quarta-feira, 9 de março de 2011

Uma casa bem reformada tem que sobreviver ao tempo e as famigeradas tendências

Faz uma semana que estamos na nova/velha casa. Mesmo com caixas ainda para serem abertas (elas esperam a estante branca que vai ser adaptada para cá) estamos nos sentido muito confortaveis. Isso tem me feito pensar no quão importante é  você reformar bem uma casa. Fazer isso bem é contratar um arquiteto e pensar a casa de uma maneira funcional para você. Mais do que torneiras carissimas, acabamentos mirabolantes e da moda ela tem que funcionar confortavelmente. Deve sobreviver ao tempo, no meu caso classicamente moderna. Dez anos depois de comprar e reformar esse  apartamento no Copan, três anos depois de ter morado em um outro alugado,  tenho sentido nessa volta a alegria do acerto do passado. Diferente só temos o piso da sala, antes ebanizado e agora com  sua cor original, e o quarto da Taci, que com a ajuda de uma amiga arquiteta (eles são fundamentais) , "comeu" com elegância uma parte da sala, sem que essa tenha sofrido muito e sem desrespeitar a reforma original.
Mas eu também gosto de mudar.... então, logo,vou poder mostrar a casa nova. Esperem só eu me livrar das caixas.